quarta-feira, 25 de março de 2015

Escultura de dinossauro será montada no Parque Euclides Dourado

A escultura do dinossauro, doada pelo escultor Marcílio Reinaux, para o município de Garanhuns, será montada amanha (26), no Parque Euclides Dourado, localizado na avenida Júlio Brasileiro, no bairro Heliópolis. A escultura, com cerca de 20 metros de comprimento e 8 metros de altura e com um peso total de 2.100kg, foi construída em uma base de ferro, recoberta de lâminas de alumínio em chapas rebitadas na ferragem.

O Secretario de Agricultura, Epaminondas Borges Filho, fala sobre como a obra foi transportada até Garanhuns e os reparos que foram feitos nela. “Para trazer o dinossauro de Recife para Garanhuns foi necessário dividir a escultura em três partes, devido ao tamanho dela. Depois de chegar ao município, o dinossauro passou por um processo de limpeza e substituição de algumas lâminas de alumínio”, complementou.


Durante a montagem será utilizado um caminhão munck, um caminhão com prancha, máquina de solda e seis trabalhadores. O escultor, que já produziu mais de 80 obras em sucata, gastou menos de um mês para finalizar o dinossauro, com a colaboração de três operários.

Saloá realiza Audiência Pública e garante governo participativo

Na próxima sexta-feira (27), a prefeitura de Saloá vai realizar, e  a partir das 19h00 a primeira audiência pública deste ano. O objetivo do prefeito Ricardo Alves (PMDB) é mostrar à população as ações que vem sendo desenvolvidas no município, além de proporcionar um maior diálogo do gestor com a população. O primeiro bairro a ser contemplado é a Cohab Nova, atualmente o maior canteiro de obras da cidade.

No bairro estão sendo construídas uma escola, um PSF e o novo curral de gado. A Cohab Nova também está recebendo saneamento, calçamento de todas as ruas, iluminação pública e melhorias no abastecimento d’água. As Audiência Públicas deverão acontecer em outras localidades do município. Na ocasião o prefeito estará acompanhado de todo o seu secretariado e assessores. A ideia é de proporcionar um atendimento pontual para as questões mais emergentes e garantir a participação da população numa gestão democrática.

As Audiências Públicas cumprem o papel da Ouvidoria do Município. Com elas, o município de Saloá corresponde às orientações do Tribunal de Contas do Estado de promover a transparência e visibilidade das ações realizadas pelo Governo. Toda a população está sendo convidada a participar.

Expediente:
Audiência Pública:
“a opinião dos moradores da cidade sobre as obas da Cohab Nova”
Local: Nova Creche, Rua 01 – Cohab Nova – Saloá
Dia 27 de março de 2015 - Horário: 19:00

terça-feira, 24 de março de 2015

Programa Todos por Pernambuco chegará a Garanhuns dia 10

O programa Todos por Pernambuco está percorrendo as regiões de desenvolvimento do Estado. O seminário foi realizado em Arcoverde, no sábado (21), com a participação do governador Paulo Câmara, do secretariado estadual, deputados, prefeitos e lideranças da região. Ao todo, 1.193 participantes se inscreveram nas salas temáticas, um número que superou a participação dos sertanejos nas edições de 2007 e 2011.

Participante do evento, o deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PES) comemorou o sucesso do Todos por Pernambuco, que repetiu os encontros bem-sucedidos de Araripina, Petrolina e Salgueiro, na semana passada. “São as pessoas reivindicando e pensando juntas as prioridades de Pernambuco. Com planejamento e participação, o Governo Paulo Câmara consolida o processo de desenvolvimento iniciado por Eduardo Campos”, afirmou Tadeu.

O seminário Todos por Pernambuco acontecerá no próximo dia 10 de Abril, na cidade de Garanhuns. É uma oportunidade para o governo Paulo Câmara colher sugestões e necessidades da população do Agreste Meridional, que reúne aproximadamente 28 municípios.

“Trabalhamos escutando o povo. Foi assim que aprendemos com o ex-governador Eduardo Campos e é assim que vamos continuar fazendo. Nosso governo é democrático e sabemos que todos os avanços são frutos de um planejamento bem feito. Pernambuco continuará no caminho certo”, destacou o governador Paulo Câmara.

Estudantes visitam estações de captação e tratamento d’água de Garanhuns

Duas turmas de estudantes da Escola Municipal Maria Tavares do Nascimento, do município de Garanhuns, participaram de uma ação, na última sexta-feira (20), visitando a barragem do Cajueiro e a Estação de Tratamento de Água (ETA), da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), localizada no Columinho, no bairro Heliópolis. O objetivo da visita foi chamar a atenção dos estudantes quanto à preservação dos recursos hídricos.

A visita às estações de captação e tratamento de água e esgoto do município iniciou com a ida ao Cajueiro, uma das barragens que abastecem Garanhuns. No local, além de as crianças conhecerem o sistema de captação de água, puderam desfrutar também, da bela paisagem do lugar. Na ETA, os alunos, monitorados pelo técnico operacional em química da Compesa, Samuel Barbosa, acompanharam todo o processo de tratamento, isto é, desde a chegada da água na estação até ela ser distribuída para o consumo da população.

De acordo com a coordenadora da Escola Maria Tavares, Wiliane Soares, a ação foi importante para que as crianças estejam atentas à preservação da água. “A visita foi maravilhosa para as crianças, que puderam conhecer o trabalho que é realizado para a água chegar às nossas casas”. Ainda segundo a coordenadora, a partir dessa visita, onde as crianças passaram a conhecer o trabalho para realizar esse tratamento, eles começarão a cuidar mais da água. O estudante, Matheus Silva Cardoso, de 10 anos de idade, falou sobre a visita. “Foi bastante divertido, e aprendi muitas coisas. Não imaginava que a água recebia tantos cuidados”, comentou.

A ação foi realizada pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, em parceria com a Compesa e a Secretaria Municipal de Educação e Esportes.

segunda-feira, 23 de março de 2015

agricultores de São Bento e Ibirajuba participam de cursos de criação de pequenos animais

A Gerência Regional do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) de Lajedo,  concluiu na ultima sexta-feira (21) 14 cursos, sobre “Criação de Pequenos Animais”, para 300 famílias de agricultores de base familiar dos municípios de São bento do una (09) e Ibirajuba (05). Cada capacitação, executada entre fevereiro e março, teve oito horas de duração, com média de 20 participantes e envolvimento de nove técnicos do IPA.

Os treinamentos abrangeram a criação de suínos, caprinos, ovinos e galinha caipira, abordando assuntos relacionados à infraestrutura, sanidade e manejo alimentar, com apresentação em datashow e de vários vídeos explicativos. Também foram distribuídos a cada beneficiário folders explicativos sobre "A importância da vacinação" e "Alternativas para o combate ao uso de agrotóxicos".


Os cursos foram realizados dentro das ações do Programa Brasil Sem Miséria, por meio da chamada pública 02/2012 -Lote 18, visando à prestação de serviços de assistência técnica e extensão rural para 3.300 agricultores e agricultoras familiares, mulheres e jovens rurais em situação de extrema pobreza, com renda mensal per capita de até 70,00.  A iniciativa abrange 21 municípios do agreste meridional, divididos entre 03 Gerências Regionais do IPA - Arcoverde, Lajedo e Garanhuns.

sexta-feira, 20 de março de 2015

Morre a viúva do ex-deputado José Cardoso

Será logo mais, a partir das 09 horas, no Cemitério Parque das Rosas, a viúva do ex-deputado José Cardoso, Edna Cardoso Pinto, mãe do empresário Rogério Cardoso, proprietário do Jornal Gazeta de Garanhuns. Edna faleceu na madrugada de ontem e seu corpo está sendo velado na Igreja Presbiteriana de Heliópolis, onde participava fielmente.

Colégio Diocesano inicia comemoração do Jubileu de 100 anos

O Colégio Diocesano de Garanhuns está comemorando 100 anos de ciência e fé. Um século de serviços prestados à cidade das flores, contribuindo para a formação de cidadãos que são destaques no cenário político e empresarial. Uma Celebração Eucarística marcou ontem, às 19h30min a data de fundação do colégio. Já em Recife, o Centenário do Diocesano foi lembrado com o evento VIII Encontro de amigos de Garanhuns que acontece anualmente na sede do Galo da Madrugada.

O professor Albérico Fernandes, diretor do Colégio Diocesano, trouxe para o Ano Jubilar uma programação bastante intensa, mas que privilegia a maneira como as pessoas e a cidade acolhem o Colégio. Várias autoridades participaram da Missa solene, incluindo ex-alunos, políticos e empresários da cidade. Na ultima terça-feira (17) a Direção do colégio já havia anunciado em evento para a Imprensa, a programação de todo o ano Jubilar. Em cada mês haverá um evento marcante, envolvendo toda a sociedade local. Confira a programação abaixo.

Serviço Geológico Brasileiro realiza estudo técnico em Garanhuns

A equipe da Coordenação de Proteção e Defesa Civil de Garanhuns recebeu, esta semana, representantes da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) para o início da avaliação das áreas de risco de desastres naturais que o município possui. O estudo se aprofundou com visita técnica às oito maiores erosões da cidade, conhecidas também como voçorocas. Um relatório, mostrando o grau de risco de possíveis fenômenos, será elaborado pelos geólogos responsáveis.

Após a divulgação dos dados, o documento será encaminhado ao Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden) para que o órgão realize o acompanhamento dessas áreas. O Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres Naturais (Cenad), departamento que também é vinculado ao Ministério da Integração Nacional (MI), será informado sobre a situação.

De acordo com o secretário-executivo de Defesa Civil de Garanhuns, Fábio Antônio Cavalcanti, o relatório servirá de base para captação de recursos de ordem federal. “Nós temos o intuito de recuperar e estabilizar as erosões e nascentes de água mineral de Garanhuns. Essa parceria com os órgãos federais é indispensável para que as ações possam se concretizar”, destaca.

A Prefeitura de Garanhuns vai contratar, por meio de processo licitatório, uma empresa especializada em execução de topografia georreferenciada para que seja elaborada a planialtimetria – representação das informações obtidas em uma única planta, carta ou mapa. “Esse trabalho vai passar informações primordiais para o desenvolvimento dos projetos executivos de recuperação e estabilização. Logo em breve divulgaremos outras novidades”, pontua o coordenador da Defesa Civil de Garanhuns, Thiago Amorim.

quinta-feira, 19 de março de 2015

Ministro da Educação pede demissão após discussão na Câmara

Depois de discutir com deputados no plenário e abandonar o recinto da Câmara em meio à sessão na tarde desta quarta-feira (18), o ministro da Educação, Cid Gomes, foi ao Palácio do Planalto e pediu demissão à presidente Dilma Rousseff, que aceitou. O pedido ocorreu logo depois de o ministro participar na Câmara dos Deputados de sessão em que declarou que deputados “oportunistas” devem sair do governo. "A minha declaração na Câmara, é óbvio que cria dificuldades para a base do governo. Portanto, eu não quis criar nenhum constrangimento. Pedi demissão em caráter irrevogável", declarou o ministro.

O Palácio do Planalto informou após a demissão de Cid Gomes que o secretário-executivo da pasta, Luiz Cláudio Costa, comandará o Ministério da Educação interinamente. Costa já foi presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e foi secretário-executivo do MEC em 2014, quando a pasta era chefiada por Henrique Paim.

Do plenário, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, chegou a anunciar a demissão antes mesmo de ter sido oficializada. "Comunico à Casa o comunicado que recebi do chefe da Casa Civil [ministro Aloizio Mercadante] comunicando a demissão do ministro da Educação, Cid Gomes", anunciou Cunha no plenário. Depois, a Presidência da República divulgou nota oficial com o seguinte teor: "O ministro da Educação, Cid Gomes, entregou nesta quarta-feira, 18 de março, seu pedido de demissão à presidenta Dilma Rousseff. Ela agradeceu a dedicação dele à frente da pasta."

No Palácio do Planalto, após ter pedido demissão, Cid Gomes falou em defesa da presidente Dilma Rousseff, que ele disse considerar ter “as qualidades necessárias” para governar o país. Na garagem privativa do palácio, ele classificou a presidente como uma pessoa “séria” e avaliou que o combate à corrupção adotado pelo governo “fragilizou” a relação dela com boa parte dos partidos.


“O que a Dilma está fazendo é limpar o governo do que está acontecendo de corrupção. Essa crise de corrupção é uma crise anterior a ela. Ela está limpando e não esta permitindo isso. Ela está mudando isso. E isso, óbvio, cria desconforto”, afirmou. “Vocês viram quantos deputados do PP recebiam mensalidade de um diretor da Petrobras? Isso é que era a base do poder e ela [Dilma] está mudando isso”, disse Cid Gomes, ao citar a lista de políticos investigados pelo Supremo Tribunal Federal por suspeita de envolvido com o esquema de corrupção revelado pela Operação Lava Jato. (fonte: G1)

quarta-feira, 18 de março de 2015

Cai o índice de infestação de dengue em Garanhuns

O segundo ciclo do Levantamento Rápido do Índice de Infestação Predial por Aedes aegypty (LIRAa), de Garanhuns, foi divulgado ontem (17). No bairro Aloísio Pinto, que no primeiro levantamento do ano apresentava um índice de 6,9%, agora caiu para 4,5%. Outras localidades no município registraram uma queda no índice com relação ao anterior. Apesar dessas diminuições, o levantamento, que é feito bimestralmente, registrou no município, um aumento de 2,6% no índice geral de infestação do mosquito da dengue, em consideração ao primeiro ciclo do ano. No primeiro levantamento deste ano, o índice geral do município era de 3,7%. Já neste segundo ciclo, o índice é de 6,6%. 

De acordo com a Coordenação do Programa Municipal de Controle da Dengue, o motivo para o aumento do índice se deve, sobretudo, às chuvas isoladas, a implantação de racionamento de água e, consequentemente, o armazenamento da mesma, na maioria das vezes, de forma inadequada, o que leva ao surgimento de novos focos. Na comunidade Brasília, o primeiro levantamento do ano informava um índice de 3,5%, neste segundo ciclo, houve um aumento, chegando a 6,2%. No bairro Cohab II, o índice que estava em 2,9%, neste levantamento aumentou para 5,1%. A meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é de um índice de 1,0%.

Apesar do histórico de aumento do índice de infestação do mosquito da dengue, durante os meses de janeiro e abril, em todo o Brasil, a coordenação dos agentes de endemias de Garanhuns identificou as localidades em situações mais críticas e já encaminhou os agentes de endemias para aplicar o chamado “bloqueio focal”, que é a intensificação de ações de combate ao mosquito da dengue, em pontos estratégicos para coibir o número de criadouros dos mosquitos.

A coordenadora dos agentes de endemias de Garanhuns, Cilene Espinhara, pede a colaboração da população para o combate do mosquito. “Cerca de 90% dos focos dos mosquitos da dengue estão nos domicílios, por isso falamos que o nosso trabalho é em parceria com a população. É necessário que todos reforcem a atenção para esse perigo, armazenando água de forma adequada, ficando atenta quanto a terrenos baldios e pedimos, também, para que a população facilite a visita dos agentes de endemias em suas casas. Fazendo isso, nós temos a certeza que iremos atingir com sucesso as metas no controle da dengue”, afirma.

Marcos Renato está liberado para assumir a Secretaria de Meio ambiente de Garanhuns

A efetivação da Secretaria de Meio Ambiente de Garanhuns finalmente deve ocorrer nos próximos dias. O Diário Oficial da União publicou na última segunda-feira (16) portaria autorizando a cedência do professor Marcos Renato Franzosi Mattos, que estava lotado na Unidade Acadêmica de Garanhuns (UAG), da Universidade Federal Rural de Pernambuco para a Prefeitura Municipal. O pedido de cedência partiu do prefeito Isaías Régis já no primeiro ano de seu governo, mas só agora é que foi possível para a Universidade liberar o professor, pois não havia um substituto.

A autorização foi assinada pela reitora da UFRPE, Maria José de Sena e muito agrada aos ambientalistas de Garanhuns e Região, pois Marcos Renato desenvolve, de modo voluntário, várias ações junto à Ong Econordeste e o Conselho Municipal de Meio Ambiente (Codema), fato que lhe colocou em evidência no cenário ambiental. A nova Secretaria do Governo Isaías Régis vai começar muito bem, pois além de ter o conhecimento técnico para atuar na área, o novo secretário tem a paixão pela causa ambiental. Desejamos êxito ao professor Marcos Renato em sua missão, e lembramos que desde que ele chegou à Garanhuns, por ocasião da fundação da UAG/UFRPE tem se empenhado nas causas ambientais do município, conhecendo esta cidade como nenhum outro garanhuense talvez a conheça.

terça-feira, 17 de março de 2015

Peixes da Camaratuba serão distribuídos à população de Saloá

O Instituto Agronômico de Pernambuco – IPA com o apoio da Prefeitura de Saloá realiza ação para desenvolvimento da aquicultura em propriedades rurais. O programa teve início em 2014 com o levantamento do potencial produtivo. Com a criação de tilápia o governo municipal estimula a produção local com vistas à suprir as necessidades de consumo da população durante a semana santa. A piscicultura aproveita os recursos hídricos existentes em cada propriedade.

“O ano passado nós iniciamos este programa de criação de tilápia com a assistência técnica do IPA. Foram beneficiados 5 produtores e este ano já contamos com 12 tanques para produção do pescado. O peixe produzido na Camaratura da Prata será distribuído para a população. Nós compramos todo o pescado e repassamos ao povo, para garantir uma semana santa farta na mesa das famílias mais carentes de nosso município”. Destacou o prefeito Ricardo Alves.

Nesta segunda-feira (16), o secretário de Administração, Airton Maciel esteve acertando os detalhes do programa. Ele recebeu o técnico do IPA, Pedro Balensiefer para tratar da logística de distribuição do pescado. Estarão empenhadas na atividade de distribuição as Secretarias de Assistência Social, de Saúde, com a Vigilância Sanitária, além da Administração.

A prefeitura fará a entrega do peixe na terça-feira, dia 31 de março. A iniciativa traz vários benefícios para os agricultores e o meio ambiente, principalmente no cultivo de pescado, pois a reutilização da água na agricultura contribui para a otimizar esse recurso, cada vez mais escasso, aumentando o lucro dos agricultores.

segunda-feira, 16 de março de 2015

Saloá fortalece o apoio ao futebol amador. Times receberão fardamento

O futebol amador de Saloá está em festa. É que o Governo Municipal, por meio da Diretoria de esportes firmou um apoio financeiro para 10 times locais e para a Escolinha de Futebol Infantil. Os times receberão fardamento além de apoio logístico para a realização dos torneios. A relação dos times contemplados é a seguinte: Bragantino – sítio Pau Santo, Internacional – Paquevira, Serrinha futebol Clube, Santa Cruz da Prata, Internacional do Exú, Santa Cruz da Baixa da Telha, Cruzeiro do Jacinto, Juventude e Sport do Riachão.

Segundo o diretor de Esportes, Pelezinho, a escolha dos times se deu em relação à sua organização interna. Eles são os mais organizados e que mais atuam nos campeonatos municipais e regionais. “A atitude do prefeito Ricardo Alves deixou os esportistas entusiasmados, pois o futebol é uma das atividades mais festejadas nos finais de semana. É uma das melhores formas de promover lazer à comunidade. Acredito que outros times poderão ser contemplados a partir de sua organização. Nós queremos, com isso, fortalecer o esporte amador em Saloá”. Destacou Pelezinho.

Já a escolinha de Futebol Infantil tem se fortalecido. Ano passado o time foi campeão do Sub 13 na Região. E este ano já está garantida a participação no campeonato de Sub 13 que acontece em Garanhuns. A equipe de Saloá jogará no dia 28 de março contra a Escolinha da AGA.

Motociclista é detido pela PRF após fuga em alta velocidade

O condutor da motocicleta Shineray de placa PFT 2840/PE, Ivanildo Pereira Barbosa, não atendeu a ordem de parada da Polícia Rodoviária Federal. Ele acelerou e os policiais foram obrigados a persegui-lo pela PE 177 entre Garanhuns e Canhotinho. Ao chegar em Garanhuns pela contramão, Ivanildo colidiu na lateral direita de um caminhão F4000.

Ambos, condutor e passageiro, foram de imediato socorridos pelo Corpo de Bombeiros e SAMU, encaminhados para o Hospital Regional Dom Moura com ferimentos leves e, em seguida, conduzidos pela PRF para a polícia judiciária em Garanhuns, devendo o condutor responder por direção perigosa.

O condutor era inabilitado, conduzia de sandálias uma motocicleta com licenciamento atrasado, sem documentos e sem os espelhos retrovisores, desobedeceu ordem de parada, transitou pela contramão colocando em risco outros veículos, motivos que o levaram a ser autuado em R$ 1.542,95, além das multas aplicadas pela Polícia Militar.

Senac implanta curso técnico em logística em Garanhuns

Estão abertas as inscrições para o curso Técnico em Logística - modalidade EAD com aula presencial uma vez por semana. O curso foi implantado em Garanhuns pelo O Senac, a partir de uma solicitação do vereador Audálio Ramos Filho.

“O comércio e a indústria vêm crescendo substancialmente com a chegada de diversas empresas em Garanhuns, e isso aumenta a demanda por conhecimento na área logística, e sendo nossa preocupação garantir empregos para os garanhuenses, solicitamos esse curso para formar profissionais em nossa terra” destacou Audálio.

As inscrições podem ser realizadas através da página do Senac. O curso é gratuito e tem duração de 800 horas aula. O início está prevista para o dia 27 de abril. As aulas presenciais acontecerão aos sábados, das 13 às 17 horas.

O Técnico em Logística é o profissional do Eixo Tecnológico Gestão e Negócios com competências para planejar e gerenciar instalações e operações de cadeia de logística no âmbito das organizações.

sexta-feira, 13 de março de 2015

A crise elétrica e a grande imprensa

Sem dúvida é grave a situação do setor elétrico. E pode se tornar dramática se medidas urgentes não forem tomadas. Pode-se até repetir o desabastecimento ocorrido há 15 anos, por deliberada decisão política de não se fazer os investimentos necessários na geração, transmissão e distribuição de energia.

As condições de hoje não são as mesmas do passado recente, mas os resultados da atual crise poderão ser idênticos. A oferta e o consumo de energia cresceram, como também cresceu a malha de transmissão. Mas nada cresceu como a ganância das distribuidoras privatizadas que – lastreadas em contratos draconianos de concessão (também chamados de privatização)– impõem ao consumidor uma das mais caras tarifas de energia elétrica do mundo, enquanto a qualidade dos serviços prestados é sofrível. E piora com o passar do tempo.

Para o não especialista, ávido por compreender o que se passa para ter a sua opinião, reina uma grande confusão. Pois uma grande parte dos chamados “especialistas”, convidados a opinar e debater, e dos chamados “articulistas”,ou “formadores de opinião”, acaba cometendo uma fraude contra os cidadãos. Querem fazer crer que o que dizem são comentários objetivos, isentos, sem ideologia. Quando estão, na verdade, comprometidos com os interesses das empresas, do capital, do mercado.

Não assumir a visão ideológica é cinismo, empulhação. Dizem acreditar de fato que a mão invisível do mercado pode tudo, que o liberalismo é o que pode resolver os problemas existentes.  Problemas esses resultantes essencialmente da mercantilização da energia elétrica, promovida pelos guardiões do pensamento do mercado a partir de 1995, e que culminou no racionamento de 2001/2002. Em 2004, depois de sofrer pequenas mudanças cosméticas, o Modelo do Setor Elétrico passou a ser chamado de “Novo Modelo do Setor Elétrico”.

Dizem que a situação vai de mal a pior por obra e culpa do governo de plantão. Falam em nome de uma ideologia à qual devotam uma crença inabalável, e prestam um desserviço aos interessados em informações, quando emitem opiniões baseados em um só lado da moeda. Partidarizam a discussão, fazem a luta política em um contexto no qual a política elétrica atual é uma continuação daquela de governos e partidos políticos que governaram o país desde o começo da Nova República. É o sujo falando do mal lavado.

O que esses “especialistas” não questionam é a existência de uma concentração de poderes e de um acentuado caráter autoritário na condução da política do setor elétricono país, o que acaba subordinando o futuro ao presente. Verifica-se que, ao longo do tempo, feudos partidários foram instalados no governo federal, sendo um deles o Ministério de Minas e Energia, cujo segundo escalão concentra muitos órgãos com alto e forte poder de decisão financeira e administrativa. É uma excrescência este ministério, tão relevante e estratégico ao país, ser considerado como moeda de troca no “toma lá, dá cá” das composições políticas. E o loteamento político do atual Ministério de Minas e Energia repete fórmulas já usadas nos governos anteriores.

Preconiza-se, com urgência, uma maior publicização da questão energética na sociedade, incentivando o debate de ideias e o confronto de interesses em condições adequadas de informação e conhecimento, se constituindo assim em instrumentos fundamentais na formulação de uma estratégia energética sustentável e democrática. A democratização do planejamento do setor energético por meio da abertura de espaços efetivos e transparentes de participação e controle social é tarefa para ontem.

Dentre as medidas recentes tomadas para combater a crise elétrica, uma que se convencionou chamar de “realismo tarifário” promoveu um aumento desproporcional e despropositado das tarifas elétricas, beneficiando diretamente o caixa das distribuidoras, que exercem um forte lobby junto às autoridades do setor elétrico. Sem dúvida, energia mais cara acarretará menor consumo, que assim aliviará, em parte, a pressão sobre a demanda, i.e. sobre o sistema como um todo.

Entre essas e tantas, debater a regulação econômica da mídia é mais do que necessário é urgente. Somente assim poderemos almejar uma sociedade com mais pluralismo e mais democracia, com cidadãos que poderão olhar criticamente uma notícia sob variados pontos de vista e não apenas a partir da “verdade única” dos colunistas, dos “especialistas”, desses endeusadores do oráculo do mercado. (Heitor Scalambrini Costa, UFPE)
 

quinta-feira, 12 de março de 2015

Coordenadoria de Saloá será contemplada com o FEM Mulher

A coordenadoria da mulher de Saloá esteve participando recentemente, em Recife da solenidade de anuncio do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM-Mulher). A versão do FEM 2015 irá destinar 5% dos investimentos para atender políticas públicas voltadas para as mulheres. Serão cerca de R$ 260 milhões no programa. Desse total, R$ 12 milhões serão destinados ao FEM Mulher.

De acordo com a gestora da Coordenadoria da mulher em Saloá, Marília Correia, os recursos, serão aplicados em ações que permitam o apoio, qualificação profissional e a assistência às mulheres do município. “É um recursos que muito aguardávamos para implementar ações mais efetivas nesse setor. Com o FEM o município poderá inclusive implementar serviços e novas ações de apoio as mulheres e combate à violência do gênero”. Destacou Marília.

Com o anúncio, os prefeitos devem encaminhar, a partir de abril o plano de trabalho para o governo do Estado indicando que 5% dos recursos serão destinados à ações voltadas para a mulher. As parcelas do repasse para as prefeituras variam de R$ 25 mil a R$ 1,2 milhão.

Recentemente Saloá serviu de sede para as discussões sobre políticas do gênero feminino, durante o Fórum de gestoras das Coordenadores da Mulher no semiárido, reuni do mais de 30 municípios, e que teve a presença da secretária estadual das mulheres de Pernambuco, o que mostra que a Coordenadoria vem no caminho certo do desenvolvimento social e fortalecimento da classe.

Barragem do Cajueiro é tema para o novo Comitê de Convivência com a seca em Pernambuco

O Governo de Pernambuco instalou ontem (11) o Comitê Estadual de Convivência com a Estiagem, com a finalidade de coordenar e articular ações de combate à seca nos municípios do semiárido pernambucano. A instalação ocorreu no Palácio do Campo das Princesas, quando o governador Paulo Câmara assina um decreto instituindo a medida. A cerimônia contará com a presença da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello.

O comitê será coordenado pela Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (Sara) e terá a participação de diversos órgãos estaduais e da sociedade civil organizada. As reuniões serão mensais e sempre que necessário. Seus membros acompanharão o panorama climático, com o detalhamento do monitoramento da seca, prognósticos de chuva e evolução do volume dos reservatórios.
Para o governador, o cenário de ausência de chuvas que vem se intensificando nos municípios do semiárido, reduzindo, inclusive, o volume de água armazenada na região, é um problema que precisa ser enfrentado. “A instalação do comitê reforça a nossa necessidade de reavivar o debate sobre o tema, avaliando as iniciativas já realizadas, as que estão em execução e as novas propostas; de modo que haja um planejamento integrado e efetivo das ações do Governo do Estado”, argumentou Paulo Câmara.
O secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Nilton Mota, ressalta que são 126 municípios afetados em Pernambuco, sendo 56 já com reconhecimento do Governo Federal e 70 ainda em análise - isso equivale a cerca de 1,3 milhão de pessoas afetadas com os efeitos da estiagem. Em 2012, o ex-governador Eduardo Campos instalou um comitê com o mesmo objetivo, estabelecendo, inclusive, um conjunto de diretrizes e responsabilidades relativas às ações destinadas a minimizar os efeitos promovidos pela estiagem.
Entre as ações realizadas pelo comitê, destacam-se a construção de pequenas barragens e de mais de dez mil cisternas de caráter produtivo, a recuperação e implantação de sistemas de dessalinização, a conclusão de barragens importantes como da de Cajueiro, em Garanhuns, e a Açude da Nação, em Bom Conselho. Além da implantação de 43 Centros de Inclusão Produtiva no Programa Pernambuco no Batente; a garantia da participação de mais de 140 mil agricultores no Programa Garantia Safra; a assistência a mais de 100 mil famílias no programa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater); e a Regularização Fundiária com quase 3 mil títulos de propriedades rurais ofertados.

quarta-feira, 11 de março de 2015

Planetário de Garanhuns é inaugurado

Dentro das comemorações ao Dia de Garanhuns, foi inaugurado na manhã de hoje (10), no Parque Euclides Dourado, o Planetário Digital Mauro Souza Lima. A ferramenta tecnológica, que é a primeira do Nordeste com estrutura geodésica, permite a visualização, por meio de projeções, de mais de 100 estrelas, constelações, planetas, cometas, eclipses, estações do ano, entre outros fenômenos astronômicos. O novo instrumento digital de aprendizagem e entretenimento de Garanhuns é constituído por uma cápsula com capacidade para 40 pessoas, com poltronas confortáveis e totalmente reclináveis.
O Planetário de Garanhuns conta com tecnologia de ponta e ambiente totalmente digital, onde aulas de astronomia, biologia, meio ambiente, entre outras ciências, poderão fazer parte dos conteúdos dados pelos professores, que ainda poderão comandar o sistema por meio de controle remoto ou de outros dispositivos portáteis, além do auxílio de um software que, ao ser instalado em seus computadores, ajudarão nas apresentações que serão exibidas aos alunos. A secretária de Educação, Janecélia Marins, fala sobre a contribuição que o planetário dará ao ensino em Garanhuns. “Essa sala de aula virtual irá possibilitar aos alunos e a sociedade em geral, adquirir conhecimentos de astronomia e outras ciências, e, poderão, com isso, ter um maior desenvolvimento em seu processo de ensino e aprendizagem”, finaliza.
“Esse é mais um sonho que está se tornando realidade em Garanhuns. Essa nova ferramenta contribuirá fortemente com a melhoria do ensino, pois instiga a curiosidade dos alunos de querer sempre aprender mais. É realmente um grande avanço para o município”, afirma o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis. O planetário é construído em aço e fibra de vidro e é o primeiro do Nordeste em estrutura geodésica, ou seja, formada por uma rede de triângulos, semelhantes aos gomos de uma bola de futebol, que lhe conferem um formato esférico.
A partir da próxima segunda-feira(16) a Secretaria de Educação do município vai iniciar o agendamento prévio de visitas, que acontecem de forma gratuita. O cronograma inicial vai atender às escolas municipais, seguidas pelas escolas estaduais e depois às escolas da rede privada de ensino. Um agendamento para o público em geral, também será disponibilizado em breve pela Secretaria de Educação, para que conheçam o planetário, durante os fins de semana. Os agendamentos devem ser realizados pelas instituições de ensino por meio do telefone (87) 3762-7060 ou na sede da Secretaria Municipal de Educação - localizado na rua Siqueira Campos, n° 43, centro -, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. (texto: Samara Pontes e Ruthe Santana)

segunda-feira, 9 de março de 2015

Aumenta a militância ambiental em Garanhuns mas prefeitura esquece a secretaria

Enquanto a prefeitura de Garanhuns se prepara para iniciar um mega projeto que irá transformar a avenida santo Antônio numa das mais modernas e bonitas do país, o prefeito Isaías Régis anunciou mais uma mudança em seu governo. A saída da secretária de turismo, Gerlane melo. Após o anúncio de saída da então secretário, houve especulação de que o Sebrae teria cedido a servidora por mais um ano, porém essa informação não foi oficial.

As secretarias municipais de Garanhuns vêm passando por frequentes mudanças. Falando de meio ambiente, esta semana aconteceu um curso promovido pela secretaria de meio ambiente do Estado com os municípios do Agreste. O evento realizado no Sesc trouxe informações importantes sobre o desenvolvimento econômico das cidades a partir dos investimentos gerados em meio ambiente. Lembrando que a atual Secretaria de Agricultura, em outros tempos era de Agricultura, Abastecimento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos. O meio ambiente foi desmembrado no sentido de criar uma Secretaria específica, o que não aconteceu. Resultado: as poucas ações ambientais que vinham sendo realizadas pela antiga secretaria agora não acontecem a nível de secretaria de agricultura. O governo do Estado, através da Secretaria de Meio Ambiente, pôde perceber que em Garanhuns, enquanto a organização da sociedade civil se fortaleceu no campo ambiental, com o surgimento do Conselho de Meio ambiente e Ong ambientais. O poder público retrocedeu, extinguindo de seus quadros a pasta meio ambiente, afinal, criar na lei e no papel, e não implementar é o mesmo que não fazer nada.